Marca

Mundo Animal (1)
Duprat (1)
Tortuga (2)
Ceva (2)

Raças de Gato

Todas as Raças (16)

Idade

Filhote (15)
Adulto (15)
Sênior (15)

Modo de Aplicação

Oral (13)
Tópico (3)

Vermífugo para gatos

O vermífugo para gatos é um item essencial para o bem-estar do seu amigo peludo. Diferentemente do que alguns tutores imaginam, mesmo aqueles que pets não saem de casa devem receber o medicamento periodicamente para manter a saúde em dia.

Está surpreso com essa informação? Fique tranquilo, estamos aqui não apenas para disponibilizar as melhores opções do mercado, mas também para dar dicas importantes de como administrar esses remédios no cotidiano do seu animal.

Venha conosco e melhore ainda mais os cuidados com seu pet aprendendo tudo sobre vermífugo para gatos.

Por que o vermífugo para gatos é necessário?

Seu pet não tem acesso à rua e nem convive com outros animais. Será que, mesmo assim, ele precisa receber o vermífugo para gatos periodicamente?

Como você viu na introdução deste texto, a resposta é sim! E, na verdade, este é um cuidado básico, um dos primeiros a tomarmos consciência ao decidirmos criar um gatinho.

Embora a forma mais comum de contágio por vermes seja nas ruas ou na interação com outros animais, o contato com as fezes, comida ou água infectadas também é um caminho a partir do qual os parasitas podem infectar o organismo do pet.

Além disso, outro ponto a ser observado é o fato de nós humanos também podermos agir como potenciais causadores das infecções por microrganismos. Afinal, o nosso amiguinho pet pode até não sair de casa, mas nós saímos e estamos sempre suscetíveis a carregarmos esses parasitas indesejados na sola dos nossos sapatos.

Assim como acontece com os cachorros, o vermífugo para gatos deve ser introduzido na vida do pet nos primeiros 30 dias de vida, podendo ou não ser administrado por dias consecutivos.

Caso seu gatinho já tenha mais idade e você não se atentou para essa necessidade, não se preocupe. Ainda há tempo de corrigir este curso perigoso.

Afinal, o remédio de verme para gato é algo que vai acompanhá-lo durante toda sua trajetória. De maneira geral, este medicamento deve ser administrado preventivamente ao menos uma vez a cada semestre, periodicidade que deve variar de acordo com a orientação do médico veterinário que conhece a rotina e os exames do seu bichinho.

Que perigos os vermes apresentam para os gatos?

O tamanho minúsculo pode até fazer parecer que os vermes são inofensivos. Essa é, porém, uma falsa impressão que será rapidamente refutada por qualquer especialista com o qual você leve o seu pet para ser consultado.

Sem a administração periódica de vermífugo para gatos, esses microrganismos podem causar sintomas como fraqueza, perda de peso, falta de apetite, além de situações de vômitos e diarreias.

Um sintoma muito comum e de fácil percepção por parte do tutor é a coceira no bumbum, sintoma este que leva o gatinho a passar a se esfregar no chão para diminuir o incômodo.

Vale destacar que existem diversas verminoses, doenças causadas por vermes, e algumas são muito perigosas.

O maior risco apresentado pelas verminoses está relacionado aos gatinhos recém-nascidos. Afinal, neste estágio, o animal acometido pode até correr risco de morte, cenário que enfatiza a importância da administração correta do vermífugo para gatos filhotes.

Qual o melhor remédio de verme para gato?

Aqui no site da Cobasi, você encontra diferentes remédios de verme para gato. Cada um deles se aplica a uma necessidade, o que nos faz reforçar que uma visita a um veterinário é indispensável na hora de escolher entre estes ou quaisquer outros medicamentos.

De maneira geral, os vermífugos em comprimido são eficazes e permitem que o tutor os possa administrar abrindo a boca do animal e os próximos à garganta do pet. No entanto, alguns gatos ficam estressados com esse procedimento mais rústico, de modo que a tática de misturar vermífugo para gatos com uma ração úmida passa a ser uma alternativa interessante.

Caso você seja tutor de um gato que recusa a ingestão de comprimidos mesmo destas maneiras mais criativas, os vermífugos líquidos são excelentes opções. Eles também podem ser misturados à ração úmida e gerar ainda menos resistência por parte do animal.

Na hora de escolher a marca do produto a ser aplicado no seu amigo peludo, também é importante contar com o auxílio de um veterinário de confiança. Ainda assim, produtos como o vermivet gatos costumam ter ótima aceitação.

Como garantir que o gato fique livre dos vermes?

Embora existam inúmeras variáveis a serem consideradas na hora de combater a presença de vermes em gatos, nos esforçamos para te oferecer um passo a passo geral com as orientações principais a serem consideradas neste processo. Confira abaixo:

Consulte um médico veterinário

Recomendamos visitas regulares ao veterinário em todas as situações. Um profissional qualificado ajudará a escolher o melhor vermífugo para o seu animal de acordo com o comportamento e necessidade dele. Apenas um profissional poderá indicar qual a dosagem correta e a forma ideal de administração.

Realize exames periódicos

A realização de exames de rotina ajuda a garantir que o animal está saudável. Animais idosos precisam de uma rotina mais intensa de visitas ao médico veterinário.

Supervisione o peso e a rotina do gato

O peso do animal deve ser considerado na hora de oferecer o vermífugo para gatos. Novamente, a necessidade de ajuda de um especialista para calcular a dosagem caso o peso do seu amigo peludo tenha variado durante os meses. Doses inferiores não fazem efeito, enquanto doses maiores que a indicada para seu pet podem o intoxicar.

Prepare o ambiente

O uso do vermífugo deve ser feito em ambientes que possam oferecer tranquilidade ao animal. O estímulo com brincadeiras e uso de petiscos também são indicados para deixar o pet menos ansioso.

Quantas doses de vermífugo para gatos são necessárias?

Em geral, uma única dose de vermífugo não garante que o animal esteja totalmente protegido.

As opções de medicamentos necessitam dosagens extras voltadas ao reforço do procedimento e à prevenção de novas infestações.

Todos os vermífugos devem ser administrados em um prazo mínimo de 4 ou 6 meses, período que pode ser menor de acordo com a orientação do médico veterinário e da fase de vida do animal.

Alguns veterinários têm protocolos com mais de uma dose em dias diferentes. Tudo depende da necessidade do seu pet e apenas um profissional pode indicar a administração ideal.

Ordenar por:

Mais vendido
    Siga a Cobasi nas redes sociais
  • Rede Social Facebook
  • Rede Social Instagram
  • Rede Social Youtube
  • Rede Social Twitter

Baixe nosso aplicativo

Baixe na App Store
Baixe na Google Play
Formas de pagamento:Visa, MasterCard, Diners Club, American Express; Boleto bancário; Elo e Apple Pay.
* As promoções, parcerias e descontos contidos em nosso site não são cumulativos. Diante de duas ou mais promoções, será necessário optar por aquela que melhor lhe convém, isentando a Cobasi de qualquer responsabilidade nesse sentido. Preços e condições de pagamento exclusivos para compras via internet, podendo variar nas lojas físicas. Todas as regras e promoções são válidas apenas para produtos vendidos e entregues pela Cobasi. Em caso de divergência de valores no site, o valor válido é o do carrinho de compras.
COMPRA SEGURA. A Cobasi garante segurança para suas informações pessoais e financeiras.
Copyright 2021. Todos os direitos reservados à Cobasi.
Selo