Banner
Banner Destaque Mobile
10% de Desconto na primeira compra

Produtos para Peixes

Peixes podem ser animais de estimação surpreendentes! De todos os tipos e tamanhos, com uma enorme variedade de cores e características, esses pets podem se adequar a praticamente todo tipo de casa.

Vamos lá conhecer mais sobre esse assunto!

Aquários e acessórios

O primeiro ponto que você precisa levar em consideração antes de decidir ter um ou mais peixinhos como pets é o espaço disponível para colocar um aquário. Cada peixe precisa, em média, de um litro de água para cada centímetro de corpo. Ou seja, se você pretende ter um peixe do tipo Betta, por exemplo, deve saber que, quando adulto, seu corpo chega a atingir cerca de 7 cm. Isso significa que é necessário um aquário com capacidade para, no mínimo, 7 litros de água.

Conheça os principais cuidados com o Peixe Betta | Blog da Cobasi

Com a quantidade de água definida, você pode começar a escolher o tipo de aquário que vai abrigar seu amiguinho. Geralmente, os aquários quadrados ou retangulares são mais fáceis de encaixar o filtro de água.

O filtro de água tem como objetivo purificar a água do aquário para que você não precise fazer a troca todos os dias, ou mesmo semanalmente. Na verdade, cada tipo de peixe tem uma necessidade de troca da água específica, então pesquise bastante ao escolher a espécie que você deseja. Uma dica importante sobre a troca da água é fazê-la parcialmente: você deve retirar de ? a metade do volume de água do aquário e substituir por água limpa. Tome muito cuidado para que a temperatura se mantenha estável (em torno de 28°C) para evitar traumas ao seu peixinho. Pode ser uma boa ideia investir em um termômetro e em um aquecedor .

Bombas e compressores

As bombas e os compressores para aquário têm como objetivo primordial fazer a água circular pelo ambiente, mantendo os microorganismos em equilíbrio, como aconteceria na natureza. A potência, ou seja, a capacidade desses aparelhos varia de acordo com o tamanho do aquário em que serão instalados. Por isso, leia sempre com bastante atenção a descrição de cada produto.

Tipos de filtros para aquários

Existem, basicamente, três tipos de filtros para aquários: os mecânicos, os biológicos e os químicos. A filtragem mecânica é o primeiro passo, pois remove partículas maiores da água, como restos de alimentos ou dejetos dos peixes. A filtragem biológica utiliza alguns utensílios próprios para promover o crescimento de bactérias benéficas na água, que ajudam a manter o ambiente equilibrado e saudável para o seu peixe.

Por fim, a filtragem química busca remover resíduos que estão dissolvidos na água e podem causar coloração estranha ou maus odores, por exemplo. Nesse caso, é muito comum a utilização de carvão ativado, mas sempre de acordo com a orientação de uso para evitar que sejam excluídos os oligoelementos, substâncias importantes para o bem-estar dos peixes.

Manutenção e limpeza de aquários

A limpeza do aquário precisa seguir aquela regra que serve para tudo na nossa vida: nem demais, nem de menos. Para saber quando limpar, observe as características da água. Se estiver ficando esverdeada, é um bom momento.

Você deve optar por uma esponja completamente nova e que nunca tenha recebido nenhum tipo de produto químico para fazer a lavagem das paredes do aquário. Para remover os resíduos que costumam ficar depositados no fundo do aquário, que em sua grande maioria são as fezes do próprio peixe, use uma bombinha própria para aspirar: assim você consegue retirar o excesso de sujeira, mas não remove as bactérias do bem que ajudam a deixar o ambiente em perfeito equilíbrio.

Vale lembrar que existem espécies de peixes que são verdadeiros faxineiros: uns limpam o vidro, outros removem detritos do fundo e tem até aqueles que comem de tudo, inclusive insetos que tenham caído na água. Verifique que espécies de peixes são compatíveis antes de montar o seu aquário e leve isso em consideração.

Enfeites e plantas para aquários

Além de deixarem o aquário muito mais bonito, visualmente agradável, os enfeites e plantas utilizados têm uma função importantíssima para os peixes: eles oferecem privacidade e proteção a esses animaizinhos tão delicados.

Ao disponibilizar casinhas, cavernas e afins, ou algumas plantas típicas para aquários, você garante que o seu peixinho tenha um local para se esconder e descansar sempre que quiser. Isso é muito importante para o bem-estar do animal, pois é preciso que ele se sinta em segurança.

Avalie a área disponível no aquário, o tamanho e a quantidade de peixes que vão habitá-lo e escolha esses elementos, tomando cuidado para não exagerar e deixar o ambiente cheio demais (o que também vai dificultar a limpeza).

Vale lembrar que cada espécie de peixe tem suas próprias características, então sempre é bom pesquisar para saber os tipos de decoração que mais combinam com o animal escolhido.

Vitaminas e suplementos para peixes

De maneira geral, peixes são animais simples de serem cuidados mas, eventualmente, pode ser que você precise colocar algum tipo de vitamina ou suplemento na água para melhorar seu ganho de peso, crescimento, metabolismo e fortalecer o sistema imunológico, por exemplo.

Na Cobasi você encontra uma grande diversidade de suplementos para peixes. Com certeza um deles vai ajudar a cuidar bem dos seus peixinhos!

Ração para peixes

Quem já teve aquário sabe o quanto pode ser fácil errar na quantidade de ração e acabar colocando demais. Esse é um erro comum que pode acarretar um grande risco para os animais, já que a ração que não for consumida provavelmente vai apodrecer na água.

A quantidade ideal de ração depende de alguns fatores: espécie dos peixes que estão no aquário, tamanho dos animais, idade (se são alevinos, ou seja, recém-nascidos; juvenis ou adultos) da quantidade de peixes no mesmo ambiente e até da temperatura da água.

Com tantas variáveis, a prática mais adequada é a observação das orientações do fabricante e o acompanhamento de um médico veterinário especializado.

Saiba tudo sobre o Aquarismo | Blog da Cobasi

Medicamentos para peixes

Os peixes, assim como qualquer outro animal, requerem cuidados de saúde para que possam viver uma vida longa e saudável. Por vezes, eles podem apresentar problemas de saúde como infecções provocadas por bactérias ou fungos, além de outros parasitas.

Se isso acontecer, você precisa primeiramente de um diagnóstico médico confiável, pois apenas um veterinário poderá prescrever o tratamento correto para o seu peixe. Em seguida, confira a nossa seção de medicamentos para peixes. Com certeza você vai encontrar o que seu peixinho precisa!

Fechar

Voltar ao topo

A Cobasi e os cookies: a gente usa cookies para personalizar anúncios e melhorar a sua experiência no nosso site.
Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.