Imagem-perfil-raca

Fila Brasileiro: Leal e Dócil

O Fila Brasileiro: cuidados, origem e curiosidades

Fiel aos seus tutores, territorialista e, quando socializado, ótima companhia para crianças, o Fila Brasileiro é um grande e carinhoso protetor. O cão desta raça tem sua origem desconhecida, apenas formada por especulações. Sabe-se, no entanto, que ele habita o Brasil desde o período colonial e escravocrata. Brincalhão e divertido, o Fila Brasileiro precisa de espaço para correr, se divertir e cuidar deste território. Saiba Mais
Tamanho
Imagem-tamanho-raca

65cm a 75cm

Peso

70kg

Pelagem

Sua pelagem é curta e grossa, e são aceitas todas as variações de Fila Brasileiro cores com exceção do branco e manchado – que são considerados Filas Brasileiros impuros.

Característica
  • Disposição para atividade

  • Respeito ao tutor

  • Intelecto e memória

  • Territorialismo

  • Amor ao tutor

  • Latido

  • Paciência com crianças

  • Receptividade com outros pets

Escolha produtos para seu pet

Clique na imagem abaixo para comprar

Colecao-vtex

A origem do Fila Brasileiro

O Fila Brasileiro é a primeira raça reconhecida internacionalmente, desenvolvida no Brasil. Sua origem data da colonização do País, quando os europeus trouxeram cães de trabalho para cá e, historicamente, produziram seus primeiros exemplares. Desconfia-se que o Fila Brasileiro seja uma mistura de Mastiff, Bulldog, Fila Terceirense (concebida em Portugal) e Bloodhound.

No entanto, alguns historiadores apontam que também pode ter ocorrido a cruza de raças de cães indígenas, como por exemplo, os Aracambé ou ainda selvagens, como o lobo-guará. Há também possibilidades de cães pastores estarem envolvidos na miscigenação para a formação do Fila Brasileiro.

A raça foi reconhecida em 1968, pela Fédération Cynologique Internationale (FCI). O novo padrão ganhou a Europa e permaneceu sem alterações até quase uma década após seu reconhecimento. Em 1976, o padrão da raça foi revisado. A fama do Fila Brasileiro continuou crescendo até 1982, quando figurava entre as raças mais comuns nas residências brasileiras, chegando a impressionantes números (mais de oito mil).

Principais características de um Fila Brasileiro

Com ossatura resistente, a raça do Fila Brasileiro é molossóide. Além disso, o cão tem uma figura retangular compacta e proporcional. Sua massa muscular é também resistente e harmoniosa. É um cachorro robusto, que impõe respeito, conquista seus tutores e seu território.

Além disso, as características que diferenciam os machos das fêmeas são bem marcadas. Tanto em um quanto no outro, a agilidade e concentração estão bem presentes. As patas possuem boa estrutura óssea, aguentando até os cães um pouco mais pesados (mas não com sobrepeso, o que pode acarretar em inflamações).

Pelagem do cachorro Fila

O pelo do cachorro Fila é baixo, macio, bem assentado e espesso. As cores mais encontradas entre os exemplares deste cachorro são as tigradas, mais puxadas para tons dourados, pretos e ainda contam com uma espécie de máscara preta e marcações brancas nas patas, peito e ponta da cauda.

No entanto, vale ficar atento se as manchas brancas se espalharem pelo restante do corpo do cachorro, uma vez que não se trata de uma característica comum. As regiões do focinho e olhos sempre serão pretas.

Cuidados com a pelagem do Fila Brasileiro

Sem dar muito trabalho a seus tutores, o Fila Brasileiro deve ter sua frequência de banhos moderada, como qualquer outro cão de pêlo bem curto e espesso. Essa frequência pode seguir o ritmo de exercícios executados com seu cão ou ainda respeitar o prazo de intervalo de dois meses no inverno e um mês para o verão. Uma escovação semanal é suficiente, pois, mesmo com pelo rasteiro e espesso, há pouca queda.

Alguns cães desta raça possuem rugas em sua face. Assim, é necessário cuidar, limpar e secá-las, para mantê-las o mais distante possível de fungos e bactérias que, inclusive, podem causar mau cheiro entre outros problemas de pele.

Imagem-meio

Como cuidar de um Fila Brasileiro?

Manter suas unhas cortadas, verificadas com frequência, bem como suas orelhas e ouvidos limpos para controlar o acúmulo de cera e evitar a propensão a otites (inflamação do ouvido), é fundamental para que seu cão viva bem.

Em complemento vale cuidar também dos olhos, uma vez que esses podem acumular secreção, inflamar e causar extremo desconforto ao cão. Para resolver esse problema é bom ter sempre a mão soro fisiológico para limpeza.

O Fila Brasileiro é um cão que gosta de banhos de sol. Eles estimulam a produção de vitamina D e manutenção da saúde dos dentes e ossos. O sol pode ser aproveitado por eles nos mesmos horários recomendados aos seres-humanos: antes das 10h da manhã e após às 17h, à tarde.

Outras questões a serem observadas bem de perto, com acompanhamento constante são:

  • Obesidade: Seu Fila Brasileiro pode tornar-se obeso se não houver como praticar exercícios, caminhadas longas e constantes e evitar ao máximo a entrega de guloseimas e petiscos caninos. Vale respeitar a quantidade de comida descrita nos pacotes de rações indicadas especialmente para a raça.
  • Displasias de joelho, cotovelo e coxofemoral: Por ser um cão que atinge um peso alto, o Fila Brasileiro pode desenvolver com o tempo a displasia em diversos pontos de seu corpo. Esse desgaste pode causar desconforto e bastante dor ao animal.
  • Altamente recomendados para evitar sobrepeso, sedentarismo ou mesmo problemas em suas articulações, os exercícios físicos são essenciais para o bom viver de um Fila Brasileiro. Por isso, é fundamental que ele fique em um espaço de tamanho considerável, em que possa tanto explorar o território, quanto ter espaço para brincar, correr e manifestar sua alegria. Nem tão ligado à rotina, o cão pode ficar muito contente se, no meio de seu passeio, a rota for alterada.

Lembre-se, a qualquer sinal de desconforto, leve seu amigo para uma consulta com o veterinário de confiança!

Vacinação anual

Para evitar doenças graves, é necessário vacinar cães adultos anualmente. As vacinas V10 ou V8 são importantes para proteger seu Fila Brasileiro de doenças como cinomose, parvovirose e leptospirose, entre outras. A vacina antirrábica imuniza seu cãozinho contra a Raiva. Além de grave para os animais, a doença pode ainda ser transmitida para humanos.

Existem também algumas outras vacinas para prevenir verminoses, gripes, entre outros males que colocam a saúde do seu cachorro em risco. Consulte seu médico veterinário de confiança para descobrir qual o melhor protocolo de imunização para o seu amigo.

Vermífugos e antipulgas

img

Cuidados com os filhotes

Ter um filhotinho em casa é sempre uma alegria, mas exige muitos cuidados. Quando bebês, os cães de todas as raças precisam receber vacinas em um protocolo diferenciado dos adultos. Veja abaixo a orientação:

  • 60 dias de vida: primeira dose da vacina V10 ou V8
  • Entre 81 e 90 dias de vida: segunda dose da V10 ou V8
  • Entre 111 e 120 dias de vida: terceira dose da V10 e a dose única de antirrábica

Atenção! É imprescindível esperar 10 dias após a última dose das vacinas, para poder levar seu cachorro para passear na rua em segurança.

Além da imunização, seu filhote de Fila Brasileiro precisará de medicamentos para parasitas. Use apenas vermífugos e antipulgas feitos especificamente para filhotes e indicados por seu veterinário de confiança.

Como alimentar um filhote de Fila?

Após o processo de desmame do filhote de Fila, que acontece entre 6 e 8 semanas de vida, o recomendado é que eles passem a ser alimentados de 4 a 5 vezes ao dia. Essa frequência ajuda na manutenção do nível de glicose no sangue, evitando crises de hipoglicemia para os bebês, que são sempre agitados e gastam muita energia.

A saúde do Fila brasileiro filhote é mais vulnerável do que a de cães adultos por estarem em fase de desenvolvimento. É muito importante cuidar da alimentação deles, para que eles tenham um crescimento saudável e equilibrado, evitando futuros problemas. As rações especiais desenvolvidas para filhotes de raças grandes são as mais indicadas, não apenas para a manutenção do peso, mas principalmente por oferecerem nutrientes que auxiliam no desenvolvimento dos músculos, ossos e articulações.

Além disso, o tamanho dos grãos de cada tipo de ração também varia de acordo com as necessidades de cada cachorro. Filhotes são ansiosos e podem engolir grãos muito pequenos sem mastigar, prejudicando o processo de digestão. E lembre-se: não é recomendado alimentar seu cachorro com comida de humanos e é fundamental manter o pote de água sempre ao alcance do animal.

Qual a melhor ração para o cachorro Fila Brasileiro?

Cachorros adultos e idosos também precisam de uma especial desenvolvida para sua faixa etária e tamanho, que satisfaça suas necessidades nutricionais específicas. Por isso, estão disponíveis no mercado diferentes opções de marcas e sabores de ração desenvolvidas para diferentes portes e idades de cachorros.

Os cachorros Filas Brasileiros são animais de grande porte, e precisam de uma dieta cuidadosamente balanceada, para manter sempre sua saúde em dia e evitar a obesidade. Você pode consultar o seu veterinário para definir quantidade de ração adequada de acordo com o peso e o tamanho do seu animal.

Rações Premium ou Super Premium são as mais indicadas para todas as raças de cachorros por conta da maior preocupação com os ingredientes e com o valor nutricional. Por oferecerem maior qualidade, seu consumo resulta em benefícios para a saúde de seu amigo.

img

Comportamento da raça FIla

A raça Fila tem características em seu comportamento que o apontam como um cão ágil, dócil, vivaz e valente. Entretanto, ter um pouco de paciência e manter o pulso firme o fará um cachorro também obediente. Caso contrário, pode se tornar um animal mais teimoso a obedecer a ordens diretas de seus tutores.

Tranquilo e amigável, ele adota a família que o cria e é muito dócil entre as crianças. Com instinto protetor acima de tudo, o Fila Brasileiro é paciente, brincalhão e cheio de fidelidade. Somente quando filhote fará um pouco mais de barulho, para chamar sua atenção. Latidos estão incluídos nesses barulhos, mas não são excessivos.

Sossego também está entre as palavras que podem definir seu comportamento. Afinal, é sóbrio e consegue diferenciar momentos de brincadeira dos mais sérios. O cão será um ótimo companheiro e o seguirá por qualquer lugar. Também terá momentos de felicidade entre cão e tutor se puder deitar sua cabeça gigante em seu colo ou dormir aos seus pés, num ambiente quentinho.

Respeito, fidelidade e amor ao seu tutor são características inesquecíveis para quem já teve um Fila Brasileiro. Como têm um instinto enorme de proteção, vai cuidar de quem o ama - e demonstra isso, de todas as formas possíveis. Afinal, ele sabe respeitar e agradecer o que recebe muito bem aos seus tutores, sendo capaz de colocar-se em enrascadas para salvá-los.

O Fila Brasileiro é um cão bem paciente com crianças. Inclusive, pode ser o cão para chamar de amigo por muitos e muitos anos. Nesse quesito, o cão pode ser comparado ao Golden Retriever e outras raças parceiras da criançada. Só não se esqueça de que antes ele deve ser ensinado a respeitar as ordens de todos a sua volta, para que o convívio seja amigável e duradouro. Quanto mais cedo isso acontecer na vida do cão, melhor será sua socialização.

Adestramento de um Fila Brasileiro

Adestrar e socializar seu Fila Brasileiro é uma responsabilidade essencial para seu tutor. Um tanto impaciente e atento aos estranhos, mas que, ao adaptar-se, tende a protegê-los tanto quanto sua família, não costuma ter medo facilmente. Por sua bravura e valentia evidentes, tendem a querer investigar tudo o que está ao redor e isso inclui pessoas novas em sua vida.

O Fila Brasileiro é um cachorro muito inteligente. Além disso, tem sua inteligência associada a questões emocionais, ligação afetiva com seus tutores e familiares próximos, que convivem com ele. É um cão muito leal e afetuoso com quem cuida dele. No entanto, vale lembrar-se de nunca usar técnicas negativas para o treinamento pois sua memória é forte. Para adestrá-lo corretamente, recorra a um profissional especializado e use somente recursos positivos, para evitar tanto a agressividade quanto a desobediência do cão.

Como é ter um Fila Brasileiro em casa?

Dentro de casa o Fila Brasileiro é dócil, tolerante com brincadeiras e crianças, além de obediente. Trata-se de um cão que procura pela atenção de seus tutores constantemente e demonstra com facilidade sua fidelidade. Não possui o perfil que vai destruir seus móveis e objetos. No entanto, ter um espaço reservado ao cão, em que ele circule livremente e sinta-se dono daquilo é fundamental. Tranquilo em suas demonstrações de euforia, o Fila Brasileiro aproveita os espaços que escolhe. Para quem tem um quintal grande em casa pode ser o cachorro dos sonhos.

Seus instintos de proteção e guarda exigem o respeito ao seu território. Por isso, trata-se de uma boa escolha para quem mora em chácaras, sítios ou casas com quintais grandes. Além de mantê-lo em forma - por contar com espaço de circulação, brincadeiras e reconhecimento de seu território, o Fila Brasileiro vai querer proteger o local a todo custo.

É preciso ter um pouco de cuidado com as brincadeiras mais brutas, é verdade. Por isso, deixá-lo livremente com bebês ou crianças muito pequenas, pode ser perigoso. Não porque ele pode atacá-los, mas porque trata-se de um animal muito pesado que gosta de demonstrar seu carinho. Além disso, é um ótimo guardião de casa e tem instinto de caçador, mesmo com presas maiores.

img

Melhores brinquedos para um Fila Brasileiro

Todo e qualquer brinquedo de morder, puxar ou jogar são indicados para o Fila Brasileiro. Os brinquedos de morder, inclusive, auxiliam na limpeza dos dentes. Vale ficar atento somente aos que sejam muito pequenos ou que facilmente soltem pedaços que possam ser engolidos, para não causar problemas e sofrimento a seu cão.

Quando ele brinca também fortalece sua mandíbula, elimina a ansiedade, o sobrepeso e o estresse, tornando-o um cão mais relaxado e cada vez mais disposto às brincadeiras. Por isso, vale dedicar-se fielmente a brincar com eles todos os dias, de preferência em um local espaçoso.

Curiosidades sobre o Fila Brasileiro

A origem do nome Fila Brasileiro veio do verbo filar. Com olfato aguçado e imposição de respeito por onde passa, o cachorro dessa raça já foi usado para perseguir escravos fujões, durante o período colonial brasileiro.

Ainda no século XIX é possível encontrar gravuras em que o Fila Brasileiro está retratado ao lado de seus tutores ou mesmo em caçadas a bois, vacas e ovelhas. No começo ele não era o cão de companhia que virou depois de um tempo.

Voltar ao topo