Assinantes Cobasi ganham + 10% OFF em todo site. Eu quero!
Assinantes ganham + 10%OFFClique!
Banner

Boxer: Enérgico e Dedicado

O Boxer: cuidados, origem e curiosidades

Apesar da aparência um pouco assustadora, especialmente pelo tamanho de sua mandíbula, os cachorros da raça Boxer são extremamente dóceis e amáveis.Saiba Mais
Tamanho
imagem tamanho raca

53cm a 65cm

Peso

25kg - 30kg

Pelagem

Sua pelagem é curta, dura e bastante brilhante, também são resistentes a água. As cores mais comuns são fulvo ou fulvo-malhado, sempre contendo uma máscara preta no focinho.

Característica
  • Disposição para atividade

  • Respeito ao tutor

  • Intelecto e memória

  • Territorialismo

  • Amor ao tutor

  • Latido

  • Paciência com crianças

  • Receptividade com outros pets

Escolha produtos para seu pet

Clique na imagem abaixo para comprar

vtex

A origem do Boxer

A raça é descendente direta do Buldogue Alemão, que havia sido criado para ajudar caçadores com as suas presas. O primeiro Boxer registrado data de 1895, de um cruzamento direto de um Buldogue Alemão com Buldogue Inglês.

Criada na Europa, o resultado foi um cachorro com aparência agressiva, como são os Buldogues, mas muito mais dócil e calmo que seu antepassado. Assim, a raça de cachorro Boxer foi se popularizando nos últimos anos.

Características físicas do Boxer

Esta raça de porte grande pode chega a pesar 30kg, e sua altura chega até os 65cm. São cachorros grandes com um corpo muito robusto e atlético, com musculatura bastante forte, o que pode causar uma impressão de agressividade.

Era bastante comum realizar a conchectomia nos cachorros da raça Boxer, que é o corte de orelhas para mantê-las em pé. Essa prática foi proibida (ainda bem!) e agora são aceitos cachorros com as orelhas mais compridas e dobradas naturalmente. O mesmo acontecia com o rabo, que também era cortado.

Sua pelagem é curta, dura e bastante brilhante, também são resistentes a água. As cores mais comuns são fulvo ou fulvo-malhado, sempre contendo uma máscara preta no focinho.

O comportamento do Boxer

Extremamente brincalhão e adora companhias, o Boxer é uma raça de cachorros muito inteligentes, mas que precisa de treinamento para aprender a respeitar os limites. Por isso quando o Boxer é filhote é preciso adestra-lo e socializa-lo.

Por serem grandes e muito brincalhões podem acabar sendo um pouco atrapalhados, às vezes se esquecem de seu tamanho e são eternas crianças. Gosta muito de agradar sua família humana e gosta de aprender novos truques e comandos para poder se exibir.

Por ser um pouco territorialistas é importante que a socialização com outros animais aconteça desde quando é um Boxer filhote. São cachorros bastante carentes, e se adaptam bem a rotina da família, mas precisam de espaço para correr e brincar, podendo não ser a melhor opção para ter em apartamento.

A saúde do Boxer

Sua condição física de patas traseiras mais curtas faz com o que o Boxer possua um desnivelamento no seu dorso, isso pode acarretar em uma displasia no quadril, caso ele não mantenha uma série de atividades regulares com seus donos.

imagem-raca

Curiosidades sobre o Boxer

Foi a primeira raça a ser utilizada pela polícia alemã, comprovando que é um cão extremamente inteligente e que, quando adestrado, pode ser muito prestativo e ajudar em diversas tarefas. Ele adora aprender!

Os filhotes de Boxer que nascem brancos tem uma certa pré-disposição a nascerem já sem audição.

Outra possível pré-disposição que os cachorros da raça podem ter é em relação a pele. É bastante normal que os cachorros Boxer tenham verrugas, mas as mesmas podem acarretar em câncer de pele. Por isso é importante leva-lo ao veterinário regularmente e examinar.
A expectativa de vida de um Boxer é baixa, assim como a maioria dos cães de grande porte, costumam viver entre 7 e 10 anos.
Voltar ao topo