Assinantes Cobasi ganham + 10% OFF em todo site. Eu quero!

Assinantes ganham + 10%OFF Clique!

Imagem-perfil-raca

Boston Terrier: Companheiro e carinhoso

Boston Terrier: saiba mais sobre a raça

Dizem por aí que o cão da raça Boston Terrier foi projetado para participar de brigas em tradicionais competições de cachorros que aconteciam em diversas cidades dos Estados Unidos no final dos anos 1800. Porém, os bichinhos da raça são tão amáveis que a ideia não deu muito certo! Inteligentes, cheios de vida e muito carinhosos, os cães Boston Terrier adoram o convívio e brincadeiras com os humanos. São excelentes companheiros para todos os momentos e, inclusive, evitam brigas.

Saiba Mais
Tamanho
Imagem-tamanho-raca

38 a 43cm

Peso

4,5 a 11,35kg

Pelagem

Pelos curtos, lisos e brilhantes. As cores variam em tonalidades de preto e marrom sempre com marcações brancas no focinho e peito.

Característica
  • Disposição para atividade

  • Respeito ao tutor

  • Intelecto e memória

  • Territorialismo

  • Amor ao tutor

  • Latido

  • Paciência com crianças

  • Receptividade com outros pets

Escolha produtos para seu pet

Clique na imagem abaixo para comprar

vtex coleção

Boston Terrier: saiba mais sobre a raça

Dizem por aí que o cão da raça Boston Terrier foi projetado para participar de brigas em tradicionais competições de cachorros que aconteciam em diversas cidades dos Estados Unidos no final dos anos 1800. Porém, os bichinhos da raça são tão amáveis que a ideia não deu muito certo! Inteligentes, cheios de vida e muito carinhosos, os cães Boston Terrier adoram o convívio e brincadeiras com os humanos. São excelentes companheiros para todos os momentos e, inclusive, evitam brigas.

Origem do Boston Terrier

A história sobre a origem do Boston Terrier é cercada de boatos e tem diferentes versões. De acordo com a principal hipótese, a raça foi a primeira totalmente desenvolvida nos Estados Unidos, em Boston, capital do estado de Massachusetts, no final dos anos 1800. Acredita-se que os cães que hoje chamamos de Boston Terrier possam ser resultado de uma mistura de raças como o Buldogue Inglês, Buldogue Francês, Pitbull, Bull Terrier, Pitbull, Boxer e o White English Terrier. Oficialmente, a raça foi reconhecida pela American Kennel Club (AKC) em 1893.

Uma das versões mais conhecidas sobre a origem do bichinho conta a história do cão Juiz, resultado da cruza entre um Buldogue e um Terrier Inglês, importado da Inglaterra para Boston por Robert C. Hooper, em 1865. Segundo registros, Juiz pesava aproximadamente 14 quilos, tinha pelagem escura com uma mancha branca no rosto e a cabeça quadrada, assim como os cachorros Boston Terrier que conhecemos hoje.

Principais características dos cães Boston Terrier

O Boston Terrier é um cachorro de pequeno a médio porte, com cabeça e rabo curtos e corpo compacto, porém forte e musculoso. O peso dos cães da raça pode variar de 4,5 kg a 11,35 kg e sua altura geralmente fica entre 38 cm e 43 cm.

Com expressão inteligente graças aos olhinhos proeminentes, o bichinho tem o crânio quadrado, com testa plana e sem rugas, além de focinho achatado e largo. As orelhas médias e eretas ajudam a dar a ele a aparência de determinação de quem está sempre atento.

Boston Terrier X Buldogue Francês

Apesar da semelhança por conta das orelhas eretas, dos olhos redondos e proeminentes e dos focinhos achatados, o Buldogue Francês e o Boston Terrier são raças diferentes. Ambos têm o Buldogue Inglês como ancestral comum, porém as diferenças são visíveis. O Boston Terrier tem pernas mais compridas, corpo mais fino e não tem em seu rosto as mesmas rugas que o Buldogue Francês tem. Além disso, os descendentes americanos dos Buldogues têm comportamento mais calmo e obediente e são mais carinhosos e amáveis que seus parentes franceses.

Imagem-raca-meio

Pelagem do cachorro Boston Terrier

Os cachorros da raça Boston Terrier têm pelos curtos, lisos, brilhantes e com textura fina. A pelagem do cãozinho americano tem algumas variações de tonalidades tigradas nas cores preto e marrom, com marcações brancas. Os cachorros da raça têm uma faixa branca de pelos ao redor do focinho, outra faixa branca entre os olhos, e o antepeito branco. Por conta do padrão de pelagem que faz com que pareça que ele está vestindo um smoking, o Boston Terrier foi carinhosamente apelidado de “american gentleman” ou cavalheiro americano, em português.

Cuidados com a pelagem

Para a felicidade dos tutores, a pelagem do Boston Terrier não exige muitos cuidados especiais. Uma escovação semanal para eliminar os pelos mortos é suficiente para manter a pele do animal saudável. Os cachorros dessa raça também não costumam perder muitos pelos e a indicação é o uso de escovas de cerdas macias ou luvas de borracha.

Não existe também uma frequência obrigatória de banhos, já que os cães Boston Terrier não apresentam odores típicos da maioria dos cãezinhos. O ideal é levá-los para o pet shop apenas quando eles estiverem bem sujinhos, já que esse cachorro não é muito fã de água. Para manter a pelagem do seu Boston Terrier brilhante, escolha shampoos especiais para pelos lisos e finos.

Como cuidar do seu cachorro Boston Terrier

Por conta do focinho curto, os olhos dos cães Boston Terrier ficam muito expostos. Portanto é importante tomar cuidado para que eles não desenvolvam problemas oculares, tais quais cataratas e úlceras de córnea.

Problemas respiratórios também são comuns em bichinhos de focinho achatado e a pouca quantidade de pelo dos cães da raça faz com que eles não suportem tão bem o frio. Em dias mais gelados, é indicado que eles usem roupinhas ou cobertores.

Já os dias muito quentes não são indicados para passeios ou prática de exercícios. Isso porque os cães de focinho curto têm mais dificuldade para refrigerar o ar que chega aos seus pulmões.

Os cães Boston Terrier também têm tendência a ganhar peso porque são muito comilões, então o ideal é monitorar a alimentação e oferecer a quantidade ração indicada na embalagem e não exagerar nos petiscos. Esses bichinhos adoram passear e participar de brincadeiras e jogos com humanos, então essas são ótimas opções de exercícios diários para manter o equilíbrio mental e físico do animal.

Vacinação anual

Outro cuidado importante para os cães da raça Boston Terrier é a vacinação anual. As vacinas Polivalente (V8 ou V10) e a Antirrábica são obrigatórias e mantêm seu pet protegido contra doenças gravíssimas. A Leptospirose, por exemplo, é uma doença muito difícil de ser tratada e pode ser contraída na rua ou até levada para dentro de casa por meio dos nossos calçados. Já a Raiva é uma zoonose e pode ser transmitida para humanos.

Vacinar seu cão todos os anos é sinal de amor e cuidado. Faça visitas periódicas ao seu médico veterinário de confiança e siga o protocolo de vacinação indicado por ele para manter seu pet sempre protegido. Ainda existem outras vacinas para imunizar contra verminoses e outras doenças.

Entenda porque a vacinar seu cãozinho todos os anos é tão importante.

Vermífugos e antipulgas

Os vermífugos e os antipulgas também são cuidados importantes que você deve ter com seu pet. Eles protegem seu cãozinho contra parasitas que podem gerar doenças graves. O remédio para vermes, deve ser dado ao animal a cada três ou quatro meses, de acordo com a bula do medicamento e a orientação do veterinário. Eles devem ser administrados mesmo em animais que não saem muito na rua.

O mesmo vale para os remédios antipulgas e anticarrapatos. Além de livrar seu Boston Terrier da incômoda coceira, ainda o mantêm protegido de diversas doenças. As pulgas podem gerar a DAPP, ou Dermatite Alérgica à Picada de Pulga, já os carrapatos carregam protozoários ou bactérias que geram doenças graves. Até os mosquitos podem oferecer riscos para seu pet, como a Leishmaniose, uma perigosa zoonose.

Você encontra uma grande variedade de tipos de antipulgas. São pipetas, coleiras antipulgas, talcos, comprimidos e até sprays. Escolha o que mais se adapta ao seu cachorro e use na frequência indicada na embalagem.

Cuidados com Boston Terrier filhote

O filhote de Boston Terrier é uma fofura! Divertidos e muito bonitinhos, eles precisam de alguns cuidados especiais para crescerem fortes e saudáveis. Assim como são importantes para cães adultos, as vacinas também devem ser dadas aos filhotes. No entanto, eles possuem um protocolo diferenciado com mais doses da Polivalente para imunizar cães com menos de 1 ano de vida. Não deixe seu pet sair na rua e nem ter contato com outros cães sem todas as doses das vacinas.

A administração do antipulgas e do vermífugo também é importante para os filhotes. Procure um médico veterinário para indicar os remédios adequados para a faixa etária do cãozinho. Remédios de adultos podem intoxicar seu filhote.

Todos os cuidados de saúde foram feitos? Chegou a hora de cuidar do conforto, da higiene e do entretenimento do seu pet. Fizemos uma lista com tudo o que seu pet precisará para ter saúde e bem-estar.

- Ração

- Comedouro e bebedouro

- Caminha para cachorro

- Tapete higiênico

- Coleira e placa de identificação

- Peitoral ou coleira para passeio e guia

- Brinquedos

- Petiscos e ossinhos

Como alimentar um filhote de Boston Terrier?

Após o processo de desmame, que acontece normalmente entre 6 e 8 semanas de vida, os filhotes de Boston Terrier devem ser alimentados com a quantidade adequada de ração de 4 a 5 vezes ao dia. Essa rotina ajuda na manutenção do nível de glicose no sangue e assim evita crises de hipoglicemia que ocorrem porque os filhotes gastam muita energia.

A saúde de qualquer filhote é sempre mais vulnerável do que a de cães adultos, porque eles ainda estão em desenvolvimento. Por isso é fundamental cuidar bem da alimentação dos pequenos de forma que eles cresçam de maneira equilibrada. Rações especiais desenvolvidas para filhotes de raças de pequeno a médio porte são indicadas para os filhotes Boston Terrier, não apenas para a manutenção do peso de maneira adequada, mas porque oferecem nutrientes necessários para o desenvolvimento dos músculos, ossos e articulações. O tamanho dos grãos de cada tipo de ração também varia de acordo com as necessidades de cada cachorro e merece sua atenção.

E não se esqueça: não é recomendado alimentar seu cachorro com comida de humanos e é fundamental manter o pote de água sempre à disposição do bichinho.

Qual a melhor ração para o cão Boston Terrier?

Engana-se quem imagina que apenas os filhotes precisam de uma ração especial desenvolvida para sua faixa etária e tamanho. Cachorros adultos e idosos também devem ser alimentados de acordo com suas necessidades nutricionais específicas. É fácil encontrar diferentes opções de marcas e sabores de ração desenvolvidas para diferentes portes e idades de cachorros.

Os cães Boston Terrier são animais de pequeno a médio porte, e necessitam de uma dieta cuidadosamente balanceada, que minimize as tendências de obesidade da raça. A quantidade adequada de ração que deve ser oferecida ao seu cachorro varia de acordo com o peso e o tamanho do bichinho.

Rações Premium ou Super Premuim são sempre as mais indicadas por conta da maior preocupação com os ingredientes e com o valor nutricional. Elas são ótimas opções de alimentação balanceada, e oferecem maior qualidade, o que resulta em benefícios para a saúde de seu animal.

Descubra as vantagens da ração Super Premium

Comportamento

Muito inteligentes, os cães da raça Boston Terrier têm temperamento fácil de lidar. Amáveis e companheiros, eles adoram passar tempo com os tutores, são extremamente leais, e não têm muitos problemas de convívio com outros bichinhos de estimação. Apesar de agitados, os cachorros dessa raça são fáceis de adestrar e aprendem com relativa rapidez.

Gentil e atencioso, o cão Boston Terrier costuma ser amigável até mesmo com estranhos. Ele ama agradar e divertir as pessoas à sua volta e é do tipo que faz festa quando os humanos chegam a casa. Para evitar crises de hiperatividade, o ideal é fazer com que o animal gaste sua energia brincando ou em caminhadas diárias.

Por conta do focinho achatado, os cães da raça tendem a babar excessivamente e podem roncar. Além disso, o cachorro da raça Boston Terrier também tem tendência à flatulência, que pode ser agravada por excesso de peso e má alimentação. Fique atento!

Os cachorros Boston Terrier são muito sensíveis, e podem ficar chateados com uma simples mudança de tom de voz. Expressivo, o bichinho não esconde sua tristeza com um tom agressivo e é muito fácil perceber pela carinha dele se você o magoou.

O Boston Terrier é um bom cachorro para crianças?

Por serem apegados e brincalhões, os cães da raça Boston Terrier são ótimos com crianças. Como fazem de tudo para agradar os tutores e também não se irritam facilmente, os bichinhos se divertem interagindo com os pequenos e ficam muito felizes por terem a atenção deles.

Como treinar um Boston Terrier

Bastante inteligente, o Boston Terrier está na 54ª colocação do ranking do livro “A Inteligência dos Cães”, de Stanley Coren. Nas posições entre 40 e 54 estão listados os cachorros de obediência intermediária, que precisam de até quarenta repetições para aprenderem novos comandos. Apesar de espertos e dóceis, os cães dessa raça podem ser um pouco teimosos, por isso é indicado que sejam adestrados desde cedo, mas de maneira positiva e com brincadeiras, já que eles são sensíveis a tom de voz agressivo e não respondem a métodos punitivos. A dica é a utilização de brinquedos e acessórios interativos, que ajudarão a estimular o desenvolvimento e o aprendizado dos bichinhos.

Boston Terrier é um bom cachorro para apartamento?

Os cães Boston Terrier se adaptam muito bem a diversos tipos de ambientes, incluindo apartamentos. Como são felizes quando estão perto da família humana, o que eles gostam mesmo é do lar, independente de ser uma casa grande, pequena ou um apartamento. Vale lembrar que passeios diários são ótimos para manter o equilíbrio mental e físico do bichinho e que os cachorros dessa raça podem ficar deprimidos se forem mantidos do lado de fora da casa.

Boston Terrier é um cachorro agitado?

Os cachorros da raça Boston Terrier têm bastante energia e gostam de atenção e de brincadeiras. Eles se adaptam facilmente ao estilo de vida dos tutores, porém precisam de passeios diários para se manterem equilibrados física e mentalmente. De temperamento fácil, os cães da raça não se irritam facilmente e, quando isso acontece, eles geralmente não reagem e apenas deixam o ambiente.

Agitados, esses pets precisam de uma dose extra de exercícios e brincadeiras para evitar comportamentos indesejados. Mas lembre-se: o Boston Terrier tem dificuldade de respirar em ambientes muito quentes. Neste caso, brincadeiras dentro de casa são ótimas pedidas!

Melhores brinquedos para o Boston Terrier

Brincalhão, o Boston Terrier responde muito bem a atividades com brinquedos, que são indicados inclusive para ajudar no adestramento desses bichinhos. A raça se diverte muito com bolinhas, cordas, brinquedos lúdicos e educativos, e também interagindo com outros cachorros.

Os brinquedos interativos são ideais para cães que ficam sozinhos em casa. A indicação é iniciar pelas versões mais simples, como as bolinhas com dispenser. Coloque petiscos ou ração dentro e deixe seu pet se divertir. Com o aprendizado, é possível oferecer brinquedos com maior nível de exigência.

Saiba como fazer o enriquecimento ambiental para seu pet.

Saiba como fazer o enriquecimento ambiental para seu pet.

Cidadão americano

Orgulho de sua cidade natal, o Boston Terrier é o cachorro oficial do estado de Massachusetts, além de mascote da Universidade de Boston. O amor pelo “american gentleman”, porém, se espalhou por todo o país e existem nos Estados Unidos cerca de 30 clubes e afiliados da Boston Terrier Club of America. Isso mesmo, um clube exclusivo para esses pequenos cavalheiros.

Voltar ao topo