Homeopatia para cães

O uso da homeopatia para cães vem crescendo cada vez mais, especialmente entre os tutores de pets que desenvolvem distúrbios comportamentais, como a ansiedade, a depressão, a automutilação e vários outros.

Leia Mais

A homeopatia para cachorro pode ajudar também em situações em que doenças mais sérias foram diagnosticadas e o tutor deseja oferecer mais qualidade de vida para o cão, além de fortalecer seu organismo.

Não existem contraindicações para o uso da homeopatia canina, mas é preciso ter em mente que ela não é a mesma coisa que a medicação caseira, que não é recomendada e pode oferecer risco ao pet.

Fique com a gente até o final da leitura para entender melhor essas diferenças e como você pode ajudar o seu cãozinho.

Homeopatia para cães: o que é

A homeopatia para cachorro, assim como para outros pets, vem se fortalecendo a cada ano como uma alternativa segura e saudável de tratamento dos mais diversos problemas de saúde. Assim como acontece conosco, ela não se propõe a substituir os medicamentos tradicionais, mas sim contribuir com o bem-estar geral do indivíduo.

Diferentemente dos medicamentos convencionais, feitos com substâncias químicas, produzidas e sintetizadas em laboratório, os homeopáticos são produzidos com base em uma mistura de ingredientes naturais, como flores, plantas, frutas, sementes, entre outros.

Os medicamentos homeopáticos podem ser encontrados em pequenos comprimidos, em pó para diluição, em forma de creme, gel ou pomada, e também em forma de solução. Nesse caso, a mistura geralmente vem diluída em quantidades bem específicas de água e álcool, que favorecem a sua absorção pelo organismo.

A maior parte dos medicamentos de homeopatia precisa ser preparada em farmácias próprias para isso, chamadas de farmácias de manipulação. Nesse caso, é preciso levar uma receita contendo os ingredientes que devem constar no medicamento e suas quantidades específicas.

Em alguns casos, existem medicamentos que se tornaram tão conhecidos pelos resultados obtidos no tratamento de determinados distúrbios que já é possível encontrá-los pré-fabricados, prontos para comprar até em farmácias convencionais.

Os florais fazem parte desse grupo de homeopatia para cães. Em hospitais, clínicas veterinárias e pet shops, é possível encontrar uma série de soluções já prontas, com suas respectivas indicações de uso, de acordo com os mais diferentes aspectos para os quais o cãozinho pode precisar de tratamento.

Homeopatia para cachorro não é remédio caseiro

Ainda que a homeopatia cachorro não seja como os remédios convencionais, que podem provocar intoxicação nos cachorros quando administrados em doses excessivas, ela não deve ser confundida com os remédios caseiros.

Estes geralmente são feitos com base em plantas e ervas que podem oferecer risco real de envenenamento para o cachorro. Os chás, as pomadas e os unguentos feitos de plantas são muito comuns no nosso país, mas precisamos lembrar que o organismo dos cachorros não funciona como o nosso, e que algumas coisas podem ser bem perigosas para eles.

A homeopatia para cães deve ser prescrita pelo médico veterinário assim como qualquer outro medicamento de uso convencional. Você até pode comprar um floral sem receita no pet shop, mas será que não vale a pena conversar com o profissional de saúde antes? Ele pode ajudar!

Outro aspecto a ser considerado é que a homeopatia para cachorro não deve ser utilizada de maneira isolada para o tratamento de doenças que requeiram medicamentos tradicionais. Seu uso combinado é recomendado, mas não substitua um pelo outro.

Se o seu cachorro apresenta sinais e sintomas de que algo não está bem, converse com o médico veterinário para fazer um diagnóstico adequado da situação. Não medique o cãozinho por conta própria, nem com remédios convencionais e nem com homeopatia canina, pois isso pode mascarar os sintomas enquanto a doença, ou outro problema, avança.

Homeopatia canina para distúrbios emocionais

Um dos usos mais frequentes da homeopatia cachorro são os florais para tratar distúrbios emocionais. Cachorros ansiosos, deprimidos, que se automutilam com lambedura excessiva ou mordidas, e até os que praticam a coprofagia (ato de ingerir as próprias fezes) podem se beneficiar muito do uso dos florais.

As mudanças de endereço e outras alterações na rotina do pet, como a chegada de um novo morador na casa (que pode ser tanto um bebê quanto outro cãozinho) também podem ser feitas com mais suavidade com o auxílio da homeopatia cachorro.

Você pode conversar com o médico veterinário para obter orientações sobre os medicamentos homeopáticos mais adequados para os sintomas do seu cão, mas lembre-se de que é preciso agir na causa do problema também.

Por exemplo: se o seu cachorro está praticando automutilação porque fica muitas horas sozinho em casa, não vai adiantar oferecer homeopatia canina para ele sem incluir passeios e brincadeiras na rotina.

Da mesma maneira, um cachorro que não passou por uma boa socialização pode ficar extremamente estressado, ansioso e até agressivo diante de visitas, ou mesmo nos passeios, ao passar por pessoas e cães desconhecidos. A homeopatia para cachorro pode ajudar, mas esse comportamento precisa ser corrigido com um bom adestramento.

A homeopatia para cães precisa encontrar um terreno fértil para florescer. Se você fizer a sua parte e ajudar o seu cãozinho a encontrar o equilíbrio, ela pode contribuir muito para o bem-estar do pet, tornando o convívio de vocês sempre melhor.

Fechar

Homeopáticos

Produtos encontrados: 31 Resultado da Pesquisa por: 7 ms

Itens por página:

Produtos selecionados para comparar: 0Comparar

Produtos encontrados: 31 Resultado da Pesquisa por: 7 ms

Itens por página:

Produtos selecionados para comparar: 0Comparar

Voltar ao topo

A Cobasi e os cookies: a gente usa cookies para personalizar anúncios e melhorar a sua experiência no nosso site.
Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.