Corda para cachorro

A corda de cachorro é uma ótima forma de entreter o pet em casa, no quintal ou até em parques. A brincadeira proporciona interação do tutor com o seu bichinho e até de dois cães juntos. O fato é que muitos cachorros precisam de uma variedade muito grande de brinquedos, e nós vamos mostrar a importância de um dos preferidos dos peludos. Quer saber mais sobre esse brinquedo? Então confira! >.Leia Mais

Brinquedos de corda para cachorro

O brinquedo de corda para cachorro é um dos favoritos entre os pets filhotes, adultos e idosos. Além de distrair o animal, a corda para cães ajuda a prevenir e remover o tártaro, e também alivia o incômodo dos dentes nascendo dos filhotes. Um de seus principais benefícios é sua versatilidade, se tornando atrativo até para os cachorros mais velhos e de diferentes portes.

Desde um cabo de guerra até brincadeiras mais independentes, a corda para cachorro morder desvia a atenção dos móveis, itens da casa e também das brincadeiras mais brutas com os tutores e visitas. Elas ajudam a evitar avarias nos móveis e itens da casa. Além de tudo isso, o transporte desse brinquedo é muito prático, podendo ser utilizado em qualquer lugar.

Como brincar com corda de cachorro

Os brinquedos de corda para cães são versáteis e podem ser usados de várias maneiras. O cabo de guerra é uma das brincadeiras com corda para cachorro mais conhecidas e que os pets adoram.

Ela consiste no animal puxar a corda para cachorro de um lado e o tutor do outro. A brincadeira também pode ser feita com dois cães, cada um puxando um lado. Diferentemente do que alguns tutores pensam, essa atividade não estimula a agressividade do animal. Na verdade, ela trabalha um comportamento instintivo de forma divertida e saudável.

O cabo de guerra estimula mentalmente e fisicamente o cachorro, além de auxiliar na queima de gordura. Os especialistas ainda acrescentam que os puxões dados geram mais confiança no cão, o tornando também mais fácil de entreter.

No entanto, esse brinquedo pode ser usado também de outras formas caso seu pet não se anime com o puxa-puxa. O item também é chamado de bola com corda para cães, mordedor de corda para cachorro e osso de corda para cachorro. Isso já denuncia mais algumas opções de diversão, não é mesmo?

O seu pet pode roer tanto a parte emborrachada, quanto a corda. Nos dois casos, ele relaxa e ainda limpa os dentes. Por fim, alguns modelos de corda para cachorro são acompanhados por uma bolinha, que você pode jogar e pedir para o pet trazer.

Como brincar de cabo de guerra com cachorro

Não é incomum ver treinadores usando o reforço positivo para adestrar o cachorro. Muitas vezes, eles utilizam o petisco como recompensa de uma tarefa concluída. O método é muito eficaz, pois condiciona o pet de forma muito eficiente.

O curioso é que alguns treinadores recompensam o animal com uma sessão rápida de cabo de guerra, por ser uma brincadeira divertida e de contato direto com o bichinho. Isso demonstra o quanto os cães apreciam essa atividade e também o quanto ela é saudável.

A brincadeira é recomendada para todos os cães, mas exige alguns cuidados. A corda para cachorro grande deve ser longa para manter suas mãos longe dos dentes do pet. Já pensou se no meio da brincadeira ele, sem querer, solta o mordedor e acerta o tutor? Melhor não arriscar!

Agora, o cuidado é com a segurança e saúde do pet. Nunca puxe o brinquedo com corda para cachorro para cima! O movimento deve ser apenas para os lados evitando, assim, machucados e lesões na coluna do cachorro. Dessa forma, você nunca deve erguer o pet pela corda para cachorro. Também tenha cuidado com a força colocada na brincadeira. Evite girar o cãozinho suspenso e cuidado para ele não cair.

Brincadeira segura para o tutor e para o pet! Durante a diversão, é normal que o cachorro fique mais animado e comece a rosnar. Isso não significa que ele está agressivo ou bravo. Mas se você quer mitigar esse comportamento, interrompa a brincadeira.

- Você pode deixar o animal ganhar, assim, a brincadeira se mantém interessante.

Corda trançada para cachorro

A corda para cachorro brincar trançada também é um modelo muito popular e que os cães adoram. Assim como os mordedores de cachorro, esses brinquedos podem ser roídos ajudando no alívio do estresse, na higienização bucal e na distração do bichinho. O pet pode brincar com seu tutor, com outros peludinhos e até sozinho. Reforçando a independência do cão, ele pode brincar e sem a participação do tutor, o que é ideal para aqueles que trabalham durante o dia fora de casa. Para isso, é importante manter a qualidade do material do brinquedo, para evitar que o cão engula algum pedaço da corda.

Brinquedo de corda para cachorro faz mal?

Uma dúvida muito comum entre os tutores é se o brinquedo de corda para cachorro faz mal. Ele não machuca o pet desde que seja usado da forma adequada.

O primeiro cuidado é na hora de brincar. É importante não puxar a corda da boca do animal com movimentos para cima e para baixo. Isso, de fato, pode machucar tanto os dentes quanto a coluna do cão. Mesmo fazendo isso, a intensidade do cabo de guerra deve variar de acordo com a força e a idade do bichinho. Filhotes e idosos podem ter seus dentes machucados se a brincadeira com mordedor para cachorro com corda for muito intensa.

A corda, em si, é recomendada pelos especialistas quando usada com cuidado e seguindo as recomendações de puxar sem muita força e somente de um lado para o outro. Assim, o cachorro vai entender que é uma brincadeira e também medirá a força com que vai puxar a corda de volta.

Qual brinquedo de corda escolher?

Existem vários modelos de corda para cachorro: mordedor, cordas longas, com pneus e muito mais. Fica difícil escolher, não é mesmo?! Nada disso. Nós ajudamos você! Escolha um brinquedo que tenha o tamanho correspondente ao porte do seu animal. Cães muito pequenos não devem brincar com bola de corda para cachorro grande, já que terá dificuldade até de carregar. Outro problema é que, algumas vezes, os materiais desses brinquedos mais resistentes podem ferir os dentes e a gengiva dos cães pequeninos.

O contrário também é verdadeiro. Aqueles brinquedos muito pequenos, que fazem a diversão de cães de portes menores, não devem ser dados aos animais grandes. Os peludos grandalhões podem destruir facilmente esses itens e até engolir pedaços. Para animais maiores, o indicado são as cordas para cachorro mais resistentes, como a corda militar, e com mordedores de borracha ou nylon.

Na dúvida, sempre supervisione a brincadeira!

Cuidados na hora da brincadeira

Embora seja um entretenimento para o pet muito divertido, é necessário reforçar a importância da supervisão. Leve em consideração as dicas sobre o cabo de guerra e sempre verifique a qualidade dos produtos que oferecer ao seu pet.

Alguns donos de cachorros utilizam as cordas que têm em casa, o que torna a brincadeira potencialmente perigosa. Esses produtos de uso doméstico não foram desenvolvidos pensando na saúde animal, por isso, podem ferir os pets quando rompidas ou engolidas. Prefira sempre a corda para cachorro. A diversão é livre, mas precisa de cuidados!

Outros brinquedos para cachorro

Brinquedos como bolinhas, ossinhos e mordedores também são indicados para divertir e entreter os pets.

Um dos mais conhecidos é o frisbee, muito indicado para tutores que têm lugares abertos para brincar com o pet, pois ele treina a resistência física do animal. Um detalhe interessante sobre este brinquedo é que também estimula no comportamento de trazer o frisbee de volta ao tutor, incentivando o adestramento. Essa opção também pode ser utilizada dentro da água, mas é indispensável a supervisão do tutor. Será a brincadeira favorita do animal em dias quentes.

A variedade em opções de brinquedos vai impedir que o cachorro fique entediado durante o dia e até que danifique algum móvel em casa. Os brinquedos distraem o pet, evitando possíveis transtornos comportamentais no bichinho.

Para que o cachorro saiba que aqueles brinquedos são seus, o tutor pode guardá-los junto com as caminhas na casa. Assim, o cantinho já terá o cheiro e os pertences do pet.

Aposte em novos brinquedos, incentive o desenvolvimento do animal e compartilhe esses momentos com ele. A cada nova brincadeira, o cachorro se conecta com o tutor e melhora tanto o seu comportamento quanto a interação com as pessoas. Não tenha medo de inovar e inventar brincadeiras, não só ao ar livre, como também dentro de casa. Existem diferentes brincadeiras e brinquedos que também são indicados para apartamentos menores, por exemplo. Crie momentos alegres com o pet e divirtam-se!

Fechar

Brinquedos de Corda

Produtos encontrados: 102 Resultado da Pesquisa por: 7 ms

Itens por página:

Produtos selecionados para comparar: 0Comparar

Produtos encontrados: 102 Resultado da Pesquisa por: 7 ms

Itens por página:

Produtos selecionados para comparar: 0Comparar

Voltar ao topo

A Cobasi e os cookies: a gente usa cookies para personalizar anúncios e melhorar a sua experiência no nosso site.
Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.