Imagem-perfil-raca

Samoeida: Sociável e Brincalhão

O Samoieda: cuidados, origem e curiosidades

O Samoieda é um cachorro irresistível: com pelo branquinho, muito macio e aparência de nuvem ou de algodão-doce, esse cachorro é simpático, amigável e muito companheiro! Por isso mesmo vem conquistando cada vez mais famílias ao redor do Brasil e do mundo.

Saiba Mais
Tamanho
img

53cm a 60cm

Peso

20kg - 30kg

Pelagem

O pelo do Samoieda é muito profuso, espesso e denso. Enquanto o pelo da superfície é mais longo e áspero, o subpelo é curtinho e muito macio. A cor dos pelos do Samoieda é totalmente branco, creme ou o chamado branco com biscoito.

Característica
  • Disposição para atividade

  • Respeito ao tutor

  • Intelecto e memória

  • Territorialismo

  • Amor ao tutor

  • Latido

  • Paciência com crianças

  • Receptividade com outros pets

Escolha produtos para seu pet

Clique na imagem abaixo para comprar

colecao vtex

A origem do Samoieda

O cachorro Samoieda tem origem no norte da Rússia e da Sibéria, onde eram utilizados como cães de caça e para puxar trenós. O nome da raça é o mesmo das tribos, onde o cão era criado tão próximo dos tutores que chegava a dormir dentro dos abrigos com os humanos e ajudar a aquecê-los nas noites mais frias. Como conhecemos hoje, a raça surgiu inicialmente na Inglaterra, em 1909.

Pelagem

A pelagem do Samoieda é, sem dúvida, uma das suas marcas registradas e das características mais convidativas para os seres humanos.

A pelagem é espessa, densa, reta e mais áspera na superfície, sendo muito macia e fofinha no subpelo. A formação de uma juba em torno do pescoço e sobre os ombros dá ao Samoieda um aspecto de ursinho de pelúcia, tornando impossível resistir ao impulso de fazer carinho.

O Samoieda geralmente tem os pelos totalmente brancos, mas também pode ter o pelo creme ou o chamado branco com biscoito.

Cuidados com a pelagem do Samoieda

A pelagem densa do Samoieda faz com que o corpo do cão não acumule tanta sujeira. Isso torna a frequência dos banhos mais flexível, podendo ser ajustada de acordo com a necessidade e a recomendação do médico veterinário.

Já a escovação dos pelos deve ocorrer de duas a três vezes por semana, para garantir que os pelinhos do Samoieda não se embaracem. A remoção dos pelos mortos também é fundamental para a saúde e bem estar do cachorro.

Como cuidar do Samoieda

O cachorro Samoieda é inteligente, divertido, que gosta e precisa da companhia da sua família humana, e que não costuma dar muito trabalho em termos de saúde.

Uma alimentação de qualidade, atividades físicas regulares, passeios, brincadeiras e muito afeto são um excelente ponto de partida para cuidar bem do Samoieda.

Quanto ao comportamento, essa raça de cachorros pode ser um pouco teimosa, então é preciso fazer um bom adestramento desde cedo, quando o cão ainda for um filhotinho.

O Samoieda gosta de agradar os seus tutores, e gosta mais ainda de ser agradado. Por isso, quando ele perceber que coisas boas podem acontecer quando ele tem um comportamento adequado, tende a cooperar.

Uma boa maneira de manter o Samoieda mais tranquilo é com passeios e brincadeiras que possam canalizar a sua energia.

Os pelos do Samoieda formam uma barreira térmica que protege o seu corpo de temperaturas extremas, tanto no frio, quanto no calor. Por isso, o Samoieda jamais deve ser tosado!

O Samoieda é um cachorro de porte médio bastante peludo, mas não foi feito para dormir em ambientes externos longe dos seus tutores. Com isso, pode ser que suas unhas não fiquem suficientemente desgastadas, mesmo com os passeios diários. Mantenha as unhas aparadas para evitar que o cachorro machuque a si mesmo ou aos outros.

Imagem-raca-meio

Vacinação anual do Samoieda

O Samoieda, assim como qualquer outro cachorro, precisa ser vacinado anualmente para se manter protegido das principais doenças que acometem os cães e que podem até mesmo serem fatais para eles.

Cada médico veterinário tem autonomia para escolher sua conduta e definir o melhor cronograma de vacinação, mas, de maneira geral, a vacina múltipla (V8) e a polivalente (V10) são ministradas uma vez por ano nos cachorros adultos.

Há, ainda, a vacina contra a raiva, que é uma doença duplamente perigosa, pois além de ser gravíssima para o animal, também pode ser transmitida para seres humanos.

Existem outras vacinas que podem proteger o Samoieda desde quando é um filhotinho até a velhice. A melhor maneira de garantir essa proteção é levar o cãozinho para consultas de rotina com o médico veterinário. Aproveite esse momento para conversar com o profissional sobre a melhor maneira de cuidar do seu Samoieda.

Vermífugos e antipulgas

Além das vacinas, é preciso proteger o Samoieda de vermes, pulgas, carrapatos e outros parasitas, especialmente por conta da sua pelagem espessa que pode esconder esses viajantes desagradáveis durante um bom tempo até que os sintomas se manifestem.

A escolha do vermífugo e do antipulgas mais adequado ao seu Samoieda deve ser feita com base no peso corporal e na idade dele. Você pode solicitar orientação ao médico veterinário para ajudá-lo a definir o melhor medicamento; apenas garanta que as aplicações sejam feitas corretamente para que o cão fique protegido.

Cuidados com os filhotes de Samoieda

Receber um filhote de Samoieda em casa é, sem dúvidas, um momento muito especial e emocionante. Esse cãozinho incrivelmente fofo vai depender totalmente dos seus cuidados, carinho e atenção até que esteja um pouquinho maior e mais forte.

Antes da chegada do filhote, certifique-se de que sua casa está preparada para ele. Além de determinar o local onde o pequeno Samoieda vai dormir, comer e fazer suas necessidades, separe um cantinho para deixá-lo mesmo quando estiver acordado, até que ele aprenda as regras da casa.

Alguns itens podem ajudar você a fazer uma boa adaptação do seu filhotinho de Samoieda. Confira:

  • caminha ou colchonete;
  • cobertores e almofadas;
  • comedouro e bebedouro;
  • coleira, placa de identificação e guia para os passeios;
  • caixa ou bolsa de transporte;
  • tapete higiênico e produtos de limpeza adequados ao uso veterinário;
  • ração e petiscos;
  • escova para desembaraçar e remover pelos mortos;
  • brinquedos.

Enquanto o pequeno Samoieda não fizer 12 meses completos de idade, opte por oferecer uma ração para filhotes a ele, seja seca ou úmida. Assim você garante a ingestão diária de nutrientes para que o cãozinho possa crescer e se desenvolver da melhor maneira possível.

Depois de um ano de idade, as necessidades nutricionais do cachorro mudam, então você deve trocar a ração para um alimento para cães adultos. Faça isso de maneira gradual, ao longo de pelo menos sete dias.

Vá aumentando aos poucos a ração de adulto e diminuindo a ração de filhote, até que o novo alimento se torne 100% do que é oferecido ao cão.

Com relação aos passeios, a recomendação feita pelos veterinários é que o filhote só saia depois de ter recebido integralmente as vacinas obrigatórias. São elas:

  • 60 dias de vida: 1ª dose da vacina V10 ou V8;
  • Entre 81 e 90 dias de vida: 2ª dose da V10 ou V8;
  • Entre 111 e 120 dias de vida: 3ª dose da V10 e a dose única da antirrábica.

Enquanto seu Samoieda não tiver concluído essa fase inicial de vacinações, faça as visitas ao médico veterinário com ele dentro de uma caixa de transporte, evitando seu contato com o chão e com outros animais.

Cerca de 10 dias depois da última vacina é provável que o veterinário libere o Samoieda para fazer seu primeiro passeio, mas é sempre importante confirmar essas informações com o profissional escolhido para acompanhar a saúde do seu cãozinho.

img

Como alimentar um filhote de Samoieda

Os cachorrinhos são desmamados entre 6 e 8 semanas de vida, e logo depois começam a se alimentar com ração. Você pode oferecer ração seca ou úmida para o seu pequeno Samoieda, mas certifique-se de que sejam produtos específicos para filhotes.

Com relação à quantidade diária, a indicação que consta na embalagem é uma boa referência para você saber quanta comida o filhote precisa ingerir.

Pegue a quantidade total e distribua em 4 ou 5 refeições para evitar que o filhotinho desenvolva crises de hipoglicemia, que são causadas pelo desequilíbrio nos níveis de glicose no sangue. Esse é um problema sério que pode até mesmo matar o filhote, então fique atento.

A oferta de petiscos para filhotes é permitida mas, assim como deve ser feito na idade adulta, ela deve ser moderada. Não ofereça alimentos de consumo humano para o seu Samoieda e mantenha água limpa e fresca sempre à disposição do cachorrinho.

Qual a melhor ração para Samoieda

A ração consumida pelo Samoieda deve acompanhar a sua idade. Por isso, depois que o filhote completar 12 meses de idade, passe a oferecer uma ração para cães adultos, pois as necessidades nutricionais vão mudando com o passar do tempo.

Para fazer a troca do alimento, faça isso gradualmente. Ao longo de uma semana, vá aumentando a quantidade da ração nova e diminuindo a quantidade do alimento que não será mais oferecido.

Dessa maneira você consegue observar mudanças de comportamento ou reações indesejadas, como alergias e diarreia, por exemplo, e dá tempo ao seu Samoieda para que ele se acostume aos novos sabores, aromas e texturas do alimento.

Personalidade e comportamento do Samoieda

Uma nuvenzinha de amor, alegria e companheirismo: é assim que podemos descrever o Samoieda, esse cão que parece estar sempre com um sorriso no rosto, pronto para acompanhar sua família humana onde quer que seja.

Muito gentil e generoso, o Samoieda recebe a todos muito bem: é fácil de fazer amizade com ele, sejam pessoas ou animais desconhecidos.

O Samoieda é bem disposto e interessado em todo tipo de atividade física e brincadeiras. Por isso, é o companheiro ideal para caminhadas em volta do quarteirão e até para corridas no parque.

img

Como adestrar um Samoieda

Mesmo sendo inteligente e tendo boa vontade para agradar seus tutores, o Samoieda é um cachorro com fortes traços de independência, que podem facilmente se transformar em teimosia caso ele não seja adestrado corretamente.

O melhor a fazer é investir no reforço positivo e mostrar para o Samoieda que ele tem muito a ganhar quando age conforme o desejado: pode ser um carinho, palavras de encorajamento, um petisco gostoso ou até um brinquedo!

O Samoieda late muito?

O Samoieda não late muito, mas pode se comunicar com seus tutores fazendo várias vocalizações. Assim como é comum com os cães husky, o Samoieda vai responder você, com tons de voz, sons e resmungos diferentes, de acordo com cada situação.

Os latidos podem ocorrer como sinal de alerta ou alegria durante as brincadeiras, mas os excessos podem e devem ser corrigidos durante o adestramento.

O Samoieda vai destruir a casa?

Quando filhote o Samoieda pode fazer um bom estrago em casa. Se esse hábito desagradável não for corrigido logo, pode continuar presente na idade adulta do cachorro também, e crescer junto com ele em quantidade e intensidade.

O Samoieda não gosta de passar longos períodos sozinho e pode descontar essa frustração nos móveis e objetos da casa também. É preciso ensinar desde cedo que isso não é aceitável, para que ele mude de comportamento.

img

O Samoieda é um bom cachorro para crianças?

O Samoieda pode facilmente ser o cão ideal para todos os que desejam ter um cachorro como melhor amigo. Muito gentil, brincalhão e cuidadoso, ele vai interagir e brincar com crianças de todas as idades com muito afeto e alegria.

Ainda que esse seja um instinto natural do Samoieda, já que ele adora interagir com pessoas e animais de todos os tipos, é preciso fazer uma boa socialização para que o Samoieda se acostume a estar sempre cercado de pessoas, deixando transparecer a sua personalidade encantadora.

Voltar ao topo