Assinantes Cobasi ganham + 10% OFF em todo site. Eu quero!

Assinantes ganham + 10%OFF Clique!

Imagem-perfil-raca

Akita Inu: Leal e Inteligente

O Akita Inu: cuidados, origem e curiosidades

O Akita Inu é um cão imponente, protetor e muito fofo. A raça tem mais de 3 mil anos e é originária do Japão. Seu pelo macio e denso levam muita beleza ao cão de caminhar preciso e cheio de charme. Seu comportamento companheiro, silencioso e fiel, rendeu ao Akita Inu as funções de caça e guarda. Hoje, ele é uma das raças de grande porte queridinhas em todo o mundo.

Continue a leitura para saber mais sobre esse cão leal e inteligente.

Saiba Mais
Tamanho
Imagem-tamanho-raca

58cm a 70cm

Peso

34 a 54kg

Pelagem

Pelo curto e denso em todo o corpo e mais comprido na cauda. O Akita Inu pode ser encontrado nas cores vermelho-fulvo, sésamo, tigrado e branco.

Característica
  • Disposição para atividade

  • Respeito ao tutor

  • Intelecto e memória

  • Territorialismo

  • Amor ao tutor

  • Latido

  • Paciência com crianças

  • Receptividade com outros pets

Escolha produtos para seu pet

Clique na imagem abaixo para comprar

coleção raças

Origem do Akita Inu

Há cerca de 3 mil anos, a raça Akita Inu surgiu no Japão em uma região chamada Akita. As raças japonesas eram prioritariamente pequenas ou médias e o Akita Inu se destacou pelo seu porte grande e majestoso. Apesar do tamanho, a raça carrega caraterísticas dos Spitz, como o Spitz Japonês. Sua força e inteligência os fizeram capazes de caçar animais ferozes e de grande porte, como ursos.

Seu passado imponente não para por aí. Chamados de Akitas Matagis, eram cães eram usados para combate em 1600. Mais adiante, em 1868, esses cães foram cruzados com animais das raças Tosa e Mastiffs, agregando ainda mais tamanho e força aos Akitas.

Os cães da raça Tosa Inu também foram criados no Japão. Seu peso girava em torno dos 60kg e a força era sua principal característica. Já os Mastiffs surgiram Inglaterra e superavam os 100kg. Ambas as raças eram usadas para lutas de cães. A prática foi proibida por volta de 1900, mudando a função desses lindos animais.

Desde que surgiu, o Akita Inu sempre foi uma raça muito apreciada no Japão. Em 1931, nove exemplares da raça foram escolhidos e designados como Monumentos Históricos. Entre 1939 e 1945, em decorrência da Segunda Guerra Mundial, o número de exemplares do Akita foi reduzido à apenas três variedades:

Akitas Matagis

Akitas de combate

Akitas / Pastores

O fim da guerra também trouxe com força total retorno dos criadores da raça Akita. A raça foi popularizada e hoje está presente em todo o mundo como uam das principais raças de grande porte.

Quais são os tipos de Akita?

A raça Akita Inu passou por diversas modificações e cruzamentos durante seus 3 mil anos de existência. Hoje, o Akita Inu tem entre 58 e 70cm de altura. Já seu peso pode variar entre 34 até 54kg. São cães de grande porte, mas com o corpo robusto, forte e equilibrado. Sua pelagem densa, colabora para sua aparência atlética.

Reconhecida oficialmente pelo American Kennel Club (AKC em 1972, hoje o Akita Inu é diferenciado apenas pela coloração dos pelos.

Pelagem

A exuberante pelagem do Akita Inu é composta por pelo externo duro e reto, e subpelo macio e denso. Essa composição dá volume e beleza à pelagem. Apesar de curtos em todo o corpo, os pelos da cauda são um pouco maiores dando a impressão de ainda mais grandeza para esse belo cão. Os Akitas brancos estão entre os preferidos dos amantes da raça, mas o Akita Inu apresenta variedades de cores que vão do vermelho-fulvo, passando pelo sésamo (pelos vermelho-fulvo com as pontas pretas) e chegando até no tigrado.

Além da coloração corporal, todas as variedades de cores, exceto a branca, devem apresentar uma pelagem esbranquiçada em 8 pontos: laterais do focinho, bochechas, próximo à mandíbula, no pescoço, peito, tronco, na cauda e na parte interna das patas. Essa coloração é chamada de urajiro.

Cuidados com a pelagem

Seu pelo denso exige cuidados especiais. O Akita Inu deve ser escovado semanalmente, mas os banhos podem ser dados de acordo com a necessidade. Evite banhos frequentes!

Aprenda a dar banho no seu cachorro sem sair de casa.

A hora do banho é ideal para cuidar dos olhos, ouvidos e dos dentes do seu cãozinho Akita. Aproveite para limpar os olhos e os ouvidos com produtos específicos. A higiene bucal deve ser feita com escova de dentes ou dedeira e exclusivamente usando um creme dental pet.

Após o banho, seque seu cachorro com o auxílio de uma toalha para remover o excesso de água. Use um secador de cabelos na temperatura morna para secar completamente o animal. Aproveite o momento para escovar seu Akita e remover os pelos mortos, evitando a queda excessiva na casa.

Nunca deixe seu Akita com a pelagem úmida, isso favorece o aparecimento de dermatites e fungos. Tanto para banhos em pet shop, quanto em casa, prefira a hora mais quente do dia. Se estiver sol, melhor ainda!

Imagem-raca-meio

Como cuidar de um cachorro da raça Akita?

Um cão forte e de porte grande exige cuidados especiais com sua musculatura. Por isso, passeios longos e diários são essenciais. Procure sair com seu Akita Inu pelo menos duas vezes ao dia e faça trajetos extensos que propiciem exercício físico e fortalecimento muscular. Gosta de correr? Seu Akita pode ser um grande parceiro.

Cães de raças grandes possuem mais tendência a desenvolver problemas nas articulações. Por isso, manter o peso adequado, fazer exercícios e ter acompanhamento periódico de um médico veterinário são ações fundamentais para cuidar bem do seu Akita Inu.

Além dos passeios, brinque no gramado com seu cãozinho e proponha atividades que o distraiam. Tudo isso colabora para o bem-estar físico e mental. Evite brincar em pisos escorregadios que podem gerar quedas.

Vacinação anual

Assim como outros cães adultos, os animais da raça Akita precisam ser vacinados anualmente. Após 1 ano de idade, os cães devem receber as vacinas V10 ou V8 uma vez ao ano para proteção contra parovorise, cinomose, leptospirose e outras doenças graves. A vacina Antirrábica também é anual e imuniza seu Akita contra a Raiva, uma doença grave que pode ser transmitida para humanos.

A vacinação é uma ótima forma de proteger seu cãozinho contra enfermidades. Além da V10/V8 e da Antirrábica, seu Akita Inu pode ser imunizado contra outras doenças, como verminoses e gripes. Consulte seu médico veterinário para saber quais vacinas são indicadas para manter seu cão saudável.

Vacinar seu cachorro todos os anos é muito importante. Entenda o porquê.

Vermífugos e antipulgas

Seu Akita também deve passar por outros cuidados periódicos com a saúde além das vacinas. Os antipulgas e remédio para carrapatos também são muito importantes para manter seu cachorro saudável.

Mais do que deixá-lo livre de coceiras, a utilização desses medicamentos o mantém protegido contra doenças como Babesiose, Erliquiose, DAPP (Dermatite Alérgica à Picada de Pulgas) e até Leishmaniose. A administração pode ser feita via oral ou através de coleiras, pipetas, talcos e sprays.

Saiba mais sobre as doenças transmitidas por pulgas, carrapatos e mosquitos.

O vermífugo é outro medicamento que deve ser administrado periodicamente para seu animal. Eles são responsáveis por eliminar vermes que podem causar doenças graves no seu cachorro. Os vermes são contraídos na rua, através de alimentos e até dentro de casa. Por isso, é importante manter o vermífugo do seu Akita sempre em dia. Consulte seu médico veterinário para definir a posologia para seu animal.

Cuidados com os filhotes

Os filhotes de Akita são lindos e muito fofos. Assim como os cães adultos, eles precisam de diversos cuidados especiais. Filhotes devem receber vermífugos e antipulgas exclusivos para a idade, pois são mais suaves e evitam a intoxicação do animal. Medique seu cãozinho apenas com remédios indicados por seu médico veterinário.

Além de antipulgas e vermífugos diferentes, o protocolo de vacinação de filhotes também é diferente. Veja abaixo a orientação:

60 dias de vida: primeira dose da vacina V10 ou V8

Entre 81 e 90 dias de vida: segunda dose da V10 ou V8

Entre 111 e 120 dias de vida: terceira dose da V10 e a dose única de Antirrábica

Atenção! Seu filhote deve passear na rua ou tomar banho no petshop apenas 10 dias após a administração da última dose das vacinas. Antes disso, ele não estará imunizado e poderá ser exposto à diversas doenças.

Fora os cuidados de saúde, todo filhote precisa de itens para alimentação, diversão e sono.

Confira o que você vai precisar para cuidar do seu filhote de Akita Inu:

- Ração

- Petisco e ossinhos

- Comedouro e bebedouro

- caminha para cachorro

- Coleira e placa de identificação

- Peitoral ou coleira para passeio e guia

- Tapete higiênico

- Brinquedos

O que um Akita pode comer?

Os alimentos secos e úmidos oferecem nutrição completa e indicada para cada fase da vida do seu cãozinho. Os filhotes desmamam entre 6 e 8 semanas de vida e já iniciam a alimentação sólida.

Filhotes devem fazer entre 4 e 5 refeições ao dia para evitar crises de hipoglicemia. Nessa fase da vida, os cãezinhos gastam muita energia e fracionar a alimentação ajuda na manutenção do nível de glicose no sangue.

Cada tipo de ração é indicado para uma fase da vida do animal. As rações para filhotes fornecem os nutrientes adequados para o crescimento e desenvolvimento de músculos, ossos e articulações. Já os alimentos para Akitas adultos possuem a composição nutricional indicada para a manutenção do peso e vida saudável. Cães idosos devem se alimentar com ração Sênior, que possui ingredientes específicos para seu cãozinho viver mais e melhor.

Qual a melhor ração para cães da raça Akita?

Os tutores encontram uma grande variedade de rações secas para oferecer para seu cachorro. Elas são divididas em Super Premium, Premium e Standard.

As rações Super Premium possuem ingredientes selecionados e com alto teor de proteína animal. Além disso, possuem ingredientes funcionais que colaboram para a pelagem bonita, fezes firmes, entre outros benefícios. Os alimentos Premium também possuem a composição nutricional completa, mas os ingredientes são mais simples e a porcentagem de proteína de origem animal é menor.

Conheça os tipos de ração sólida e úmida e escolha a ideal para seu pet.

Fiel e inteligente

Agora que você já sabe como cuidar da saúde do seu Akita Inu, que tal conhecer um pouco mais sobre o seu comportamento?

Os cães Akitas são independentes, corajosos e protetores, sendo ótimos para guarda. No entanto, também são apegados à família se por isso são excelentes cães para companhia. Sua personalidade discreta, o torna um ótimo animal para quem não quer lidar com latidos excessivos.

Seu papel de companheiro foi conquistado com um temperamento calmo, fiel, dócil e amoroso. por outro lado, ele é desconfiado e demora um pouco para aceitar a presença de estranhos.

Mas afinal, como é ter um Akita Inu? Ter um cão dessa raça em casa é uma experiência incrível. Esses cães gostam muito da presença do tutor e não dispensam brincadeiras e passeios pela rua.

Apesar de equilibrados e educados, os Akitas são cães muito fortes e por isso devem receber adestramento para evitar incidentes.

Como adestrar um cão Akita?

A inteligência do cão da raça Akita Inu auxilia muito no seu processo de adestramento. É indicado iniciar o trabalho de adestramento com comandos básicos, como "senta”, “fica" e “deita”. Além disso, a socialização com outros animais e pessoas diferentes é importante desde filhote.

Todas as atitudes corretas devem ser recompensadas com petiscos e muito carinho. O reforço positivo guia o animal no aprendizado por meio de recompensas. Caso o animal não faça o comando, não desanime. A paciência e a repetição são fundamentais para o aprendizado dos peludos.

Inteligente, o Akita Inu costuma apreciar treinos de adestramentos, pois é desafiado a realizar atividades complexas. Além disso, eles ganham muitos petiscos e carinhos.

O Akita pode viver em apartamento?

A raça Akita Inu é considerada muito silenciosa. Esse cãozinho só late quando é provocado ou recebe um estímulo muito grande. Se ouvir seu Akita latindo, veja o que está acontecendo, pois é uma exceção.

Fazer bagunça também não é uma característica dessa raça. Apesar do seu porte grande, seu temperamento tranquilo e seus hábitos fazem dele um ótimo animal para viver em apartamento.

Mas lembre-se: para ter uma vida saudável, os cães da raça Akita Inu devem realizar passeios longos e diários.

O Akita é um bom cachorro para crianças?

Tranquilo, o Akita pode conviver com crianças. No entanto, é indicado que as brincadeiras sejam supervisionadas.

Apesar de dócil, o Akita é uma raça muito forte e que pode morder, caso se assuste com movimentos bruscos comuns em crianças pequenas. Então o Akita Inu não é indicado para crianças? Toda interação entre cães e crianças deve ser supervisionada. É responsabilidade dos pais orientar a criança sobre como se comunicar e interagir com cachorros.

Uma forma saudável e segura de interação é com a utilização de brinquedos. Oferecer petiscos, brincar de jogar a bolinha e fazer comandos de adestramento ajudam a criar uma relação saudável e segura. Atenção! Se o seu cão Akita Inu tem comportamento possessivo com brinquedos, o melhor é retirar todos os itens na presença de crianças e estranhos.

Melhores brinquedos para o Akita Inu

O Akita Inu adora brincar! Um cão forte e com passado de caçador, é fã das cordas e pneus. Brinque de puxar e gaste a energia do seu Akita Inu e a sua! Cães da raça Akita também apreciam pelúcias e brinquedos de morder. Procure aqueles que suportam mordidas mais fortes como de brinquedos de Nylon e borrachas resistentes. Supervisione a brincadeira para ter a certeza de que seu cãozinho não tira pedaços do item e engole. Lembre-se que o Akita Inu é uma raça muito forte e com a mordida poderosa.

A bolinha para cachorro também encanta a raça proporcionando momentos de diversão e interação com a família. Para completar, ofereça brinquedos interativos que estimulam o raciocínio lógico através da recompensa com petiscos. Inteligentes, os Akitas são adorar!

A história de Hachiko

O Hachiko é uma das razões para a popularização do Akita Inu pelo mundo. Esse famoso Akita viveu por volta da década de 1920 com seu dono, um professor chamado Dr. Eisaburo Ueno.

A cumplicidade e o amor dos dois eram nítidos e o cão acompanhava seu dono todos os dias na estação de trem em que o professor embarcava para trabalhar. Após um mal súbito durante o trabalho, Hachiko perdeu seu tutor, mas seguiu esperando-o pacientemente na estação de Shibuya, em Tóquio. Fiel, repetiu esse comportamento por anos.

Em homenagem a sua lealdade, Hachiko ganhou uma estátua de bronze e milhares de fãs pelo Japão e em todo o mundo. O Akita Inu Hachiko foi até tema do filme "Sempre ao seu lado", estrelado por Richard Gere e, claro, um fiel e companheiro cão Akita.

Voltar ao topo